terça-feira, 21 de junho de 2011

Quatro coisas depois de muito tempo

Ei amores, tudo bem?!

Existem quatro coisas das quais preciso falar hoje. Não por ordem de importância, vou enumera-las a seguir:

1. Hoje faz 10 dias que o Amor está aqui em casa e eu estou muito feliz mesmo. Ele chegou bem no dia dos namorados e jantamos juntos com minha irmã e meu cunhado. Dividimos uma panqueca gigante na Mixpão. De tão simples foi perfeito.
Estou satisfeita por ver que o amor que sinto é algo tão amplo e expansivo que abrange até essa bendita distância como, de alguma forma, algo  bom. É um fato como conseguimos reverter isso a nossa favor e crescer com essa situação.
Podem me chamar de louca, mas penso que sou mais racional por não descartar um amor tão precioso e difícil de achar por apenas uma das primeiras dificuldades de um relacionamento.
Muito feliz.

2. Estou tendo muitos problemas para seguir a lista de 1001 coisas tão fechada e engessada, com prazos tão fixos que fiz. Portanto, decidi simplesmente retirar todos os prazos e quantidades. Porque cada um tem um ritmo, e não é me impondo a aceleração que vou fazer de mim mais rápida.
Ando cansada e preocupada, e sempre parece que falta tempo pra concluir minhas coisas dentro do dia. Retirando os prazos, reverterei o tempo a meu favor, de modo que sempre sobrará tempo para coisas muito importantes, ou muito banais.

3. Hoje, dia 21 de junho, começa oficialmente o inverno (e ontem chegaram as novas peças na loja, em sua maioria de verão). Eu, que morava no Acre, onde as estações resumem-se em calor sem chuva e calor com chuva, estou super amando essas temperaturas médias de 20°C em pleno meio dia, que a noite caem para 16°C. Amando principalmente porque o Amor está aqui e, neste exato momento, está dormindo tão lindo bem atrás de mim.
Não posso negar que, além da sensação maravilhosa do clima, sou apaixonada pelas roupas e acessórios usados no frio. As mulheres ficam mais elegantes com seus cachecois e botas, sobretudo e meias-calças de todos os tipos.
Já comprei meu casaco de florzinhas, que é o que mais faz sucesso este mês, e algumas peças de linha e tricô.
Nunca mais quero viver sem poder apreciar as quatro estações denovo.

4. Por último, mas não menos importante, um pensamento simples:

"Um bom maestro, para reger sua orquestra bem, tem que virar as costas para o público."

Acho desnecessárias explicações.

Um beijo

Um comentário:

Juh V. Antoniacomi disse...

Como sempre até no seu jeito de comentar sobre suas decisões me encanta flor! Sinto saudades, mas estou tbm muito feliz pelas notícias sobre seu coração (principalmente). A listas dos 1001 coisas é realmente uma COISA!!! rsrs Terrível de seguí-la e acho certo: cada um tem seu tempo! :)
Ah! O inverno, amo esse clima e amo mais dormir nesse clima!! Rsrsr
Enfim flor, saudades imensas. Bjs