sexta-feira, 27 de junho de 2008

Um suco de couve


- Toma, você vai gostar.

-Não mãe!Vlw

-Minha filha voce nem experimentou, porque não quer?

-É verde mãe, não gosto de gosto de folha nem se colocar açucar junto.

-Hahaha! Como você é "bocó".

-[¬¬]


Sim. Num dia normal minha mãe resolve fazer algo novo e diferente pra esta casa: suco de couve.


Claro que aquilo não agradaria a primeira vista. Água verde. Nem com os argumentos sobre os benefícios da bendita folha eu fiquei com vontade de experimentar o suco.


Mas então ela com aquele jeito carinhoso disse que o suco era feito com maracujá e limão, além da couve é claro. Disse ainda que eu poderia beber só um "golinho" e cuspir se quisesse, mesmo sabendo que eu não faria isso.


No meio do sorriso dela percebi que ela estava cereta, a água verde era boa. Era um suco de maracujá com um toque e cor diferentes.


Ela ficou morta de feliz por estar certa, e eu morta de vergonha por estar errada. Mas já valeu pra aprender algumas coisas:


1. Coisas novas nos dão um certo medo. Esse medo de arriscar nos faz perder as vezes coisas ótimas. Certo que existe risco de ser ruim, mas se não provar como vai saber?


2. Sem querer, muitas vezes deixamos que a aparencia dite nossas conclusões. Só porque era verde também era ruim? Não. Nos deixar enganar pela aparencia é admitir que somos limitados e consentir em continuar assim.


3. Coisas ruins nem sempre são tão ruins. Realmente nunca gostei de couve, mas o suco com maracujá é ótimo, recomendo. Então reforço o que aprendi a tempos: tudo tem seu lado bom, basta saber observar.

Um comentário:

Júh Veloso •๋● disse...

Há.. amo suco de maracujá com couve... e até tinha medo de falar pros outros pra não acharem que eu sou retardada..! kkk

mas isso aeee:

Viva as novas descobertaas

te amo lindaaa